domingo, 26 de agosto de 2012

Leva contigo o meu coração!


Dois amigos começaram uma "amorosa" mania que já atingiu diversos pontos do país e até do mundo: espalham corações artesanais por todo o lado, livres para quem os apanhar. São corações viajantes destinados a "soltar um sorriso" ou "aquecer a alma".
Por Grândola
Se de repente, numa das suas viagens, encontrar um coração perdido pela rua, não se admire. É mesmo para si. Pode ser em papel ou em feltro, ou em variação origami, deixado ao acaso para quem o quiser apanhar.
Em São Paulo
A ideia nasceu recentemente, pela mão de dois amigos, Liliana Lima e Pedro Menezes. Começou num eixo Lisboa-Cartaxo e, entretanto, já foram avistados corações pelo Algarve ou Holanda, Luxemburgo, Canadá ou Brasil. É que estes corações viajantes ganharam mesmo asas.
Luxemburgo
A ideia de "oferecer algo a alguém desconhecido sem pedir nada em troca" nasceu há muito tempo, como explica Liliana Lima...
Os "pingos de amor", como também lhes chamam, são deixados com uma mensagem e endereço do blogue (onde vão sendo contadas as histórias de cada um). "Todos os dias entra alguém na equipa", de tal forma que "já é difícil saber quantos somos e onde estamos", adianta a impulsionadora.
Lisboa
Os corações são ao gosto do freguês, ou melhor, do artesão. Os de Liliana, tal como da maioria, são de tecido ou feltro; os de Pedro ("até agora o único homem nesta equipa", sublinha) são de origami. Depois deixam-nos por onde passam: "num jardim, num museu, numa esplanada". Em dias de vento, presos aos limpa-pára-brisas. Depois esperam: "A maioria das pessoas desconfia, não lhes mexe, ou pega, lê e torna a pousar". Já os que os recolhem acabam por ir parar ao blogue e muitos entram na corrente...
Oeiras
Como conclui Liliana Lima na apresentação dos seus "pinga amores" nada mais se pretende que "soltar um sorriso nos locais mais inesperados e banais", "aquecer a alma de um desconhecido... só porque sim"...

pingamorporai.blogspot.com
Praia da Vieira
Porque na blogosesfera, existe muita gente do bem! E porque me lembrei logo dos corações da Maria e da nossa Zita!

24 comentários:

Magda E. disse...

Já conhecia e fiquei com vontade de participar. entretanto esqueci-me, nunca mais pensei nisso. obrigado por me recordares. desta vez vou fazer o meu coração também.

luisa disse...

Que ideia tão gira! Faz-me lembrar o projeto Amélie. Quem me dera encontrar um desses corações! :))

Dina disse...

Adorei!!

S* disse...

Desconhecia, que ideia tão bonita!!

Rosa dos Ventos disse...

Que ideia simpática!
Ainda não encontrei nenhum...

Abraço

mfc disse...

Uma ideia terna e linda...
Beijinhos,

Catarina disse...

Desconhecia. Também gostaria de encontrar um coração desses.

Nina disse...

Que ideia fantástica!
Fez-me lembrar a do abraço.:))
bji

Inês disse...

Espalhar corações pelo mundo....
Gostei da ideia.

Bia Hain disse...

Adorei a ideia, simplesmente magnífica! Acho que vou aderir, valeu pela dica. Um abraço!

Palco do tempo disse...

que ideia tão bonita :)

Dear Daisy disse...

Tão giro!!!

Marta FG disse...

Acho que também já tinha ouvido falar mas nem me lembrei mais e na TV.

Anna^ disse...

Uma ideia simples e tão "grandiosa" ao mesmo tempo!

Maria disse...

Mas que ideia tão bonita. :)

bjs Turista.

Graça Sampaio disse...

Que ideia tão gira! Também gostava de encontrar um...

Nita disse...

Também quero um...

Petra disse...

Ohh que ideia linda e fofa! Quero um destes!!!!
beijo querida, boa semana.

Caminhante disse...

Olá Manuela, que ideia tão amorosa.. É uma forma de deixar alguém mais feliz.
Beijinhos

Imensidão dos dias disse...

Não conhecia a ideia mas é emsmo muito gira :) Dá outra cor aos dias de quem encontrar um coração.

ajoaninha disse...

Que ideia gira!!
Adorava receber um coração :D

Zoana disse...

Eheh! O verdadeiro "Spread the love" :p

Obrigada pela visita e espero que fiques mais um bocadinho ;)
Não, não fui eu que criei o desafio.. Mas está giro :)

anokas disse...

Desconhecia tal coisa, mas é uma ideia engraçada :)

Green disse...

Que ideia fantástica e muito amorosa. Bela iniciativa.