quinta-feira, 14 de abril de 2011

Vizinhança


A convivência com os vizinhos, numa aldeia como a minha, é pacífica.
Toda a gente se conhece e uma pessoa estranha dá logo nas vistas e não raras vezes é questionada sobre o que anda por ali a fazer ou quem procura! O único senão dos pequenos lugares, é o diz-que-diz, mas eu convivo bem com isso, pois não sou muito dada, a coscuvilhices...
Só vivi alguns anos (poucos) num prédio de sete andares, na cidade. Quanto aos vizinhos, só conhecia a vizinha do andar de baixo e era do tipo bom dia, como está o menino?
Eu que sou do mais ecológica possível, questionava-me constantemente sobre a colocação dos contadores bi-horários em apartamentos... era ouvir, máquinas de lavar a roupa a centrifugar da 1h da manhã, até às 6h. E eu sem dormir e eu acordar quase de hora a hora... e reconsiderarem, está bem, está !! Foi o meu grande trauma, aquelas noites de insónia forçada.
Agora, é mais canto dos passarinhos...

24 comentários:

ESpeCiaLmente GaSPaS disse...

O canto dos passarinho é uma maravilha :)

Nokas disse...

São lugares completamente distintos...e quando era mais nova queria morar na cidade, agora que cá estou faz-me falta a tranquilidade :)

flor de jasmim disse...

Manuela Querida
O meu é de toda a especie de passarinhos e passarões ainda ontem estavamos no alpendre a jantar e passa uma enorme garça linda, mas temos outras coisas mais desde cobras, sardões, sardaniscas, enfim, tudo quanto é bicho do mato e campo temos de tudo um pouco.
Beijinho

Lux disse...

Querida Manuela, eu, pessoalmente nunca vivi no campo, nem me consigo imaginar...
Estou habituada ao ritmo da cidade, e acredita que chego a irritar-me por morar no Porto, que acho demasiado pequeno em comparação, por exemplo, a Lisboa onde já morei!
Gostava mesmo era de morar numa grande metrópole... Tipo NY, Paris, Londres...

xoxo
Lux

*Sininho* disse...

Ai... os meus vizinhos de cima são do pior que há! Barulhentos que só eles a qualquer hora do dia... e da noite!

Deia disse...

Quando vivia em casa dos meus pais, há uns anos atrás, tinha um passarinho que se atirava contra o vidro da janela do meu quarto. Não era nada agradável acordar às 7h da manhã com aquele barulho.
Hoje vivo num prédio. Não ouço o baraulho das máquinas, porque felizmente os apartamentos nos dias de hoje têm outro tipo de isolamento, mas acordo todos os dias bem cedo porque o vizinho do lado tem um pássaro na varanda mesmo ao lado do meu quarto. É de loucos...

Nina disse...

Tenho sorte, minha querida.
Apesar de morar num apartamento, está situado numa aldeia e rodeado de pinheiros e eucaliptos. O chilrear dos passarinhos é a minha companhia o dia todo, sempre que estou por casa. Eles e a música.:)

bji gde

Libelinha☆ disse...

Vivo num sitio bem calmo...Já era assim também quando morava em casa da mamã!...
Agora vamos ver se é assim no nosso ninho =)

Beijinhos ;P

Mie disse...

Nada como o canto dos passarinhos mas nao sei se seria capaz de viver longe da cidade.
Felizmente nunca tive problemas com vizinhos e mesmo vivendo na cidade de manha oico o cantar dos passarinhos e outras coisas de outro passaros que nao sao nada bem educados e sujam o meu carro :)

mfc disse...

A qualidade de vida e o bem estar passou definitivamente para o interior ou para os pequenos lugarejos do litoral.
Boa escolha a tua.

Texuga disse...

Quando vivia em casa da minha mãe tinha o barulho do mar para me deixar dormir....

Agora e apesar de morar numa cidade consigo dormir sem barulho de carros e vizinhos com problemas de horários... Claro que de vez em quando a minha vizinha de cima tem ataques de limpeza as 3h da manhã....

Bjs

Imagina que... disse...

Como eu gostava de um dia viver num sítio assim! Acho posso pôr na minha lista de desejos da vida, não é? =)
Quanto a vizinhos... moro num prédio e... sem comentários, a nossa Mia que lhe conte! É obra! vale-me o sono profundo que tenho! =p

Beijinho!**

Violet* disse...

ouvir os passarinhos deve ser mesmo bom, eu tambem adoro o sitio onde vivo, vejo o mar todos os dias ouço as gaivotas e em dias em que o Mundo parece que vai acabar não há nada melhor.

Beijinho grande gosto muito de ler o teu blog querida Manuela*

Petra disse...

Vivi 20 anos na aldeia e reconheço bem o que dizes.
E tenho saudades.
Ja vivi 5anos em Coimbra uma cidade bem familiar, e adorei.
Depois fui para Lisboa onde estive perto de 3 anos e detestei mesmo.
Gosto para passear, ir a um espectáculo, cinema, jantar fora, compras etc mas viver não.
Ha uns mesitos vim para uma vilinha simpática no ribatejo e apesar de viver num prédio, tenho qualidade de vida...
E ouvem-se sempre os passarinhos!
Morar na cidade nunca mais!
bjo

Fi ♥ disse...

Também vivo numa aldeia (pertinho da cidade) e não trocava isso por nada, é tão bom poder abrir a varanda todos os dias ao acordar e respirar ar fresco e ter uma vista fabulosa e não outro prédio à minha frente:P

Marta disse...

Acredito que seja uma paz divinal.
Eu moro mesmo no centro da cidade mas como estou perto do Castelo De São Jorge consigo ouvir os pássaros pela manhã e é lindo.
Quanto a vizinhos nem os vejo, saio de manhã e chego à noite :)

Com Duas Pedras de Gelo disse...

Viver em paz e sossego é uma maravilha. O meu sonho é o melhor dos dois mundos: uma casinha com quintal perto da cidade.

Catarina disse...

O canto dos passarinhos também nos acordam! Os marotos são madrugadores! Abraço.

Manuela disse...

ESpeCiaLmente GaSPaS, é a melhor melodia para os nossos ouvidos :)

Nokas,e com o passar dos anos vais cada vez mais, ambicionar essa tranquilidade :)

flor de jasmim, os nossos locais são idênticos, apesar de se localizarem pontos diferentes, do país :)

Beijinhos e bom fim de semana, minhas queridas.

Manuela disse...

Lux, há pessoas que adoram viver nas grandes cidades, como tu. Espero que possas realizar esse sonho de viver numa grande urbe, nem que seja temporariamente :)

*Sininho*, é uma grande falta de respeito pelos outros. Existem pessoas de deviam fazer uma formação de como viver, em apartamentos ;)

Deia, existem mesmo gostos diferentes. Eu gosto do som dos passaritos, tu não ;)

Nina, tens o melhor dos dois mundos, cidade e campo :)

Beijinhos e bom fim de semana, minhas queridas.

Manuela disse...

Libelinha☆, parece que também vai ser idílico! O vosso novo espaço é grande :)

Mie, é raro uma pessoa que está habituada à grande cidade, gostar de viver no campo ;)

mfc, sem dúvida. Quando às 20h, aqui já se jantou e arrumou tudo, na cidade, grande parte das pessoas ainda está acaminho de casa...

Beijinhos e bom fim de semana, minhas(o) queridas(o).

Manuela disse...

Texuga, pois ataques de limpeza a essas horas, sempre me fizeram muita impressão! Isso e crianças a jogar à bola e ao berlinde, dentro de casa ;)

Imagina que, definitivamente a colocar na lista de desejos :)

Violet*, outros sons a que eu era capaz de me habituar, são os que tu tens! Obrigada minha querida, eu também gosto muito do teu cantinho :)

Beijinhos e bom fim de semana, minhas queridas.

Manuela disse...

Petra, já passaste por muitos locais para saberes apreciares devidamente, o melhor de cada um. Deve ser muito agradável, viver no Ribatejo :)

Fi ♥, infelizmente nem toda a gente pode ter uma vista fantástica, como a tua ou a minha ;)

Marta, mas isso é um privilégio, viver num dos bairros típicos de Lisboa :)

Beijinhos e bom fim de semana, minhas queridas.

Manuela disse...

Com Duas Pedras de Gelo, uma casinha com um quintal, ainda encontras nos arredores das grandes cidades ;)

Catarina, mas dão-nos alegria, logo pela manhã :)

Beijinhos e bom fim de semana, minhas queridas.