quarta-feira, 4 de agosto de 2010

Amizade II


As minhas relações de amizade são relativamente estáveis. Por vezes ganham-se uns amigos momentâneos pelas circunstâncias profissionais e perdem-se pelos mesmos motivos; a estes, eu nem chamaria propriamente amigos, talvez colegas de trabalho com quem se sente uma empatia especial que desaparece, quando termina o ano lectivo. Na actualidade como o grupo docente das escolas é mais estável, as relações já são mais firmes.
O que eu prezo muito, são as amizades que tenho, de jovens adultos que já foram meus alunos. Tenho meia-dúzia deles que ficaram para a vida. Eu frequento a casa deles, eles a minha, escrevemo-nos, trocamos mensagens, tomamos um café juntos.
Dá-me tanto prazer vê-los crescer, tirarem os seus cursos, tornarem-se bons profissionais, constituírem família...
Sinto-me privilegiada!
(os meninos da foto, são todos jovens adultos, hoje)

11 comentários:

Ana disse...

Bom dia Manuela :)

Que bom que é teres o privilégio de teres ligações positivas com os teus alunos. Ainda hoje é o dia que me lembro da minha professora da pré. Que saudades que eu sinto dela.

Beijinho :)

Sofia disse...

Que bom! Eu acho que o facto de lidarmos com jovens e estarmos abertos ao mundo deles, não nos deixa envelhecer tão depressa.
Bj enorme

Autora de Sonhos disse...

Que bom!!!! E eles são uns previlegiados por terem uma amiga como tu!

Leila Reis disse...

isso é realmente muito bom :)

Manuela disse...

Ana, porque não lhe envias uma mensagem, ela ia gostar de certeza ;)
Sofia, tens razão (há sempre aqueles alunos, que nos deixam cabelos brancos) ;)
Autora, és uma querida!
Leila, se é :)

Beijinhos, minhas queridas.

Dudu disse...

É mesmo um privilégio, deves sentir-te bastante orgulhosa afinal contribuíste de forma positiva para as pessoas que são hoje.

Manuela disse...

Dudu, o que lhes tento transmitir, mais do que a matéria, é o direito e o dever de serem felizes.
Beijinhos

Custódia C.C. disse...

Tenho uma relação semelhante com alguns dos "meus" meninos, que acompanho desde a primeira braçada :)

JB disse...

É um conforto para a alma... ver nossos alunos a crescer sabendo que algo deles e nosso foi partilhado... acredito que nunca é esquecido!

Gostei do seu espaço. Voltarei.

Beijinho

Manuela disse...

Custódia, é verdade :) Os teus meninos G. hoje, já são uns homens.
JB, bem-vinda e obrigada. Também já espreitei o seu e gostei muito :)

Beijinhos, minhas queridas.

maria teresa disse...

É mesmo tão bom! Eu cheguei a ter alunos filhos de alunos que "meteram cunhas" para eles ficarem numa das turmas que eu leccionava.
Tenho amigas desde que nasci, os nossos pais já eram amigos, tenho amigas que conheci na profissão e essas amizades mantêm-se há mais de 40 anos...
Abracinho