quinta-feira, 14 de julho de 2011

As tendências da moda e a crise económica!


Eu de moda, percebo pouco!
Sempre fui a ovelhita negra da família que vestia qualquer coisa prática que gostasse, fosse moda ou não. A entendida nestas questões, sempre foi a minha mana que sabe as marcas todas e onde há o vestido Xpto (nem que seja em Madrid ou Milão) e que acha que a Zilian é corriqueira e trata por tu a Carolina Herrera(Jr.
)...
Eu entendo é um pouco de sociologia (porque estudei...) e verifico que de cada vez que existe uma crise económica, a moda tende a ser sumptuosa!
Verificámos esta situação, aquando da II Guerra Mundial, em que a moda tornou a mulher uma diva. Estas memórias perduram até hoje, sejam a Ava Gardner, a Marilyn Monroe ou a Rita Hayworth (todas na foto), de saltos bem altos, meias de vidro com costura e batom bem vermelho, nos lábios.
Nos anos 80 do século transacto, a par com a crise petrolífera, voltámos aos brilhos, aos cetins, aos casacos com largas ombreiras e aos grandes colares de metal e pérolas. Temos a memória da Madonna e das top models, como Cindy Crawford, Elle MacPherson, Claudia Schiffer, Naomi Campbell e Linda Evangelista que atingiram nessa época, o seu apogeu.
Actualmente, dá-se primazia aos dourados, prateados, folhos, rendas, animal print, transparências (e não estou a falar de vestidos de festa ou de noite) e cor, muita cor na roupa e no calçado, para alegrar o cinzentão desta crise económica que teima em se querer fixar!

49 comentários:

aprendereorganizar disse...

Olha que nunca tinha pensado nisto manuela de facto é verdade as pessoas procuram ver a crise de uma forma mais leve:)

Dudu disse...

Bem observado, como sempre :)

Rita G. disse...

É uma forma de dar glamour e alegria à vida em tempos de crise! Valha-nos a moda:) bj!

Blondewithaphd disse...

ADORO moda! Em tempos de crise há sempre duas tendências: a das roupas clássicas (as safe bets) que duram e não passam de moda (este ano o Inverno foi com os tons camel e os sobretudos de corte alfaiate) e o reverso, a moda glamorousa que engana a crise e é ver este Verão inundado por laranjas ricos e cores de lollipop. Sim, a moda é um adorável objecto de estudo sociológico...

Naná disse...

Que engraçado, Manuela, nunca tinha pensado nisso... mas realmente bate certo!
Mas também mais vale que assim seja, haja ao menos alguma coisa que seja alegre!

GuessWho disse...

Eu, com crise ou sem crise, mais marca ou mesmo sem marca, gosto muito de peças intemporais e que se usam sempre! São boas apostas, ficam sempre bem e dá para misturar com umas roupas mais tendência. E quando é para seguir uma ou outra tendência que gosto e me fica bem não há melhor e mais barato que a Zara, H&M e a nova Primark.
E querida Manuela, quanto aos mais jovens estarem menos preparados para a crise devem agradecer aos paizinhos...infelizmente criámos uma sociedade de pequenos burgueses, que não dão valor ao dinheiro, que não ajudam e reconhecem os pais por mais que estes se esforçem...Por isso pode ser que esta crise traga alguma coisa boa, nem que sejam novos valores e formas de estar na vida. beijinhos Paula

Petra disse...

Tens toda a razão Manuela! E talvez seja também uma espécie de defesa.... Uma forma de viver melhor com os problemas circundantes....
E para isso procurar através da moda e suas inovações levantar a auto-estima!

Joop Zand disse...

Very nice Manuela....good work.

greetings, Joop

estrela disse...

Eu sou como tu Manuela, prática e simples !! gostei de saber que és sociologa, este teu trabalho está bem desenvolvido!!tens razão!

Lux disse...

É verdade minha querida... E mesmo os loucos anos 20 vieram a seguir a uma guerra mundial...
Penso que é a forma de as pessoas tentarem ultrapassar, em parte, épocas depressivas!

xoxo
Lux

Maria Alice Cerqueira disse...

Ola amiga
Estou na final da ostra poesia, me desculpe por vir lhe pedir votinho para a minha poesia, Precisamos. Mas sem a sua ajuda eu não irei conseguir. Prometo que passando esta fase eu virei comentar apenas sobre o conteúdo de seu cantinho.
Como votar você entra no link …http://ostra-da-poesia-as-perolas.blogspot.com/
No final da pagina das poesias esta escrito
VOTE CLICANDO NA PALAVRA COMENTÁRIOS Lindalva 1 comentários
Por favor coloque coloque o nome da autora e da poesia, ( Precisamos ... Maria Alice Cerqueira e o nome do seu blog. para que Lindalva possa confirmar seu voto.
Desde já lhe agradeço de coração.
Tudo do melhor para você.
Abraço amigo
Maria Alice

Nina disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
oops!!! disse...

(Hummm... relativamente a esta questão de moda e afins, à semelhança de outras tantas, eu costumo posicionar-me ao estilo que já em pequenino e muito pobrezinho respondia a quem me perguntava: "De quem gostas mais, meu menino, do pai ou da mãe?" … eu respondia: CARNE!!! ; Mas isto sou eu que se calhar ainda sou do antigamente em que a gordura era formosura e se se fosse muito magra, isso significava que era de uma classe social inferior e que pelas carências alimentares, não se alimentava devidamente...)

O TECLADO COMEU-ME O COMENTÁRIO ANTERIOR... DESCULPA!!!!!

(Vá não digas a ninguém que eu até agradeço atempadamente uma encomenda...)

;)

Green disse...

Eu sou um bocado como tu, não gosto de seguir modas, visto qualquer coisa desde que me sinta bem.

Julie D´aiglemont disse...

Realmente... É muito bem observado!

ana disse...

Olha que até me parece que tens razão. Se virmos as coisa dessa forma é mesmo como dizes. Adorava a Linda Envangelista, era a minha modelo preferida.

Fi ♥ disse...

Nunca tinha pensado nisso mas faz todo o sentido Manuela!

mfc disse...

Sabes?!
Gosto das coisas simples e giras e... sobretudo de pessoas!

Autora de Sonhos disse...

Gosto da simplicidade...sempre!
bjo

Flor de Jasmim disse...

Manuela querida
Excelente observação!!! Eu não gosto mesmo nada da moda, gosto de vestir e calçar o que gosto e como me sinto bem, mas normalmente ando sempre de preto, só no Verão mudo mais para o branco.
Beijinho

Nina disse...

Para mim, nada como um bom par de calças de ganga e calçado lindo!:)
bji

Caminhante disse...

Olá Manuela, nunca tinha pensado nisso mas tens toda a razão.
Beijinhoa

Ana disse...

Eu também nunca liguei muita às tendências e nem conhecia a maior parte das marcas, foi na blogosfera que me iniciei:) mesmo assim só uso o que gosto e o que acho que me fica bem.
Mas adoro o glamour dos anos 0 e ainda bem que voltou.
beijo

Nokas disse...

Olha valha-nos a cor na roupa já que na vida é muito pouca :)

José Luís Espada Feio disse...

Não obstante os sucessivos exemplos, o Homem teima em não acreditar que a História é cíclica...

Joana disse...

Gostei deste comentário, de facto, a crise económica parece ser sempre combatida pela moda...e há muita crise, mas a verdade é que vejo milhares de pessoas a correrem para os saldos todos os dias!

Marta disse...

vi pois e agradeço :) bem que ontem o meu blog teve mais visitas :p
realmente a crise e a moda, andam sempre de maos dadas.
beijinhos

100 Pretensões disse...

realmente é bem verdade é uma maneira de alegrar a vida :)
**

Miss Star Pink disse...

E concordo plenamente contigo! :)
Manuela então tu andaste a mandar fazer um marcador de livros de propósito para mim?! Até me fico a sentir mal!
Eu comprei-te um qdo fui a Lx e tb está aqui à espera de ser enviado, no entanto falta-me "uma coisinha".

Beijocas e boa noite.

O meu pensamento viaja disse...

Bem visto!
Se o mundo está cinza há que colori-lo nem que seja com as Block Colours da Zara.
Nina

Malena disse...

Consolar as vistinhas para esquecer!!:)

Cláudia disse...

nunca tinha visto as coisas por este lado, mas tens toda a razão. acho que é para afastar as más energias. ou pelo menos para tentar...

Manuela disse...

Catarina, são as "fugas", do próprio sistema ;)

Dudu, obrigada, minha linda.

Rita G., termo correcto é mesmo dar glamour!

Beijinhos, minhas queridas.

Manuela disse...

Blondewithaphd, e um óptimo tema, para uma tese de mestrado...

Naná, é esse o propósito, colocar alguma alegria no dia a dia!

Paula, tens toda a razão no que escreves. Fazem-se sempre novas aprendizagens, mesmo com as situações menos boas, da vida.

Beijinhos, minhas queridas.

Manuela disse...

Petra, de certeza que a auto-estima, fica bem diferente se usares prateado, em vez de um monótono castanho ;)

Joop, thank you and wellcome.

Estrela, isto é só um texto feito em cima do joelho... mas o tema daria uma boa tese de mestrado ;)

Beijinhos, minhas queridas.

Manuela disse...

Lux, tens razão, fizeste bem em recordar os loucos anos 20!

Alice, irei com togo gosto votar :)

Ooops, sempre falando a sério, brincando! Não tens nada que agradecer, é dada de coração :)

Beijinhos, minhas(o) querida(o)s.

Manuela disse...

Green, e fazes muito bem, na minha modesta opinião :)

Julie, obrigada. E real...

Ana, existem alguns estudos sociológicos, já feitos sobre a temática.

Beijinhos, minhas queridas.

Manuela disse...

Fi, é uma maneira de a sociedade se salvaguardar!

mfc, é sinal que tens bom gosto!

Autora de Sonhos, é na simplicidade que está o maior encanto ou como se costuma dizer, "less is more".

Beijinhos, minhas(o) queridas(o).

Manuela disse...

Flor de Jasmim, tens a tua moda e segues a tua tendência :)

Nina, é verdade que o calçado faz toda a diferença. Isso e o cabelo ;)

Caminhante, por isso é tão gratificante esta troca de conhecimentos, na blogosfera :)

Beijinhos, minhas queridas.

Manuela disse...

Ana, sabes que também foi por aqui que comecei a dar importância a algumas marcas? Já somos duas! ;)

Nokas, é mesmo esse o intuito ;)

José Luis, é sem dúvida, cíclica!

Beijinhos, minhas(o) queridas(o).

Manuela disse...

Joana, mas o correr para os saldos, tem a sua lógica, nestes tempos!

Marta, eu é que agradeço, mais uma vez, a inspiração :)

100 Pretensões, porque o que nós queremos mesmo, é ser felizes, verdade? :)

Beijinhos, minhas queridas.

Manuela disse...

Miss Star Pink, mandei fazer um marcador especial que vais gostar, tenho a certeza! :)

Nina, nem mais :)

Malena, é uma defesa do ser humano!

Beijinhos, minhas queridas.

Manuela disse...

Cláudia, e para alegrar o nosso espírito e aumentar a nossa auto-estima.

Beijinhos, minha querida.

PFIA disse...

Cores vivas para animar o espírito... e a pré-época dos saldos para viabilizar a coisa ;)

Bela associação (adoro sociologia, mas não estudei).

Manuela disse...

Pfia, e tudo junto... para nos dar alento ;)

Beijinhos e bom fim de semana, minha querida.

*C*inderela disse...

Não sabia que a Manuela era sociologa :) Já é a segunda "colega" que encontro por aqui (no mundo virtual).
É uma grande verdade, numa época em que há uma grande instabilidade económica e social as pessoas agarram-se àquilo que lhes faz mais feliz, logo a moda é um escape para as mulheres, até porque há mais campanhas para gastar do que para poupar!
As lojas entram em promoções mais cedo devido à crise e nunca vi tanto reboliço em época de saldos como agora.

bjokas

Manuela disse...

Querida *C*inderela, eu não sou socióloga. Tirei uma pós-graduação em sociologia, após a minha licenciatura. Tu é que és a especialista! :)

Beijinhos e bom domingo, minha querida.

Helena disse...

Bem, pela milésima vez: Bem observado, Manuela! Nunca tinha pensado nisso! :-p
Pode ser que alguém pegue na ideia e escreva algo mais aprofundado sobre isso. Agora fiquei com a pulga atrás da orelha. :)
Bjs e boa semana!

Manuela disse...

Querida Helena, esta temática dá uma boa tese de mestrado! ;)

Beijinhos, minha querida.