domingo, 16 de outubro de 2011

Eu sou uma privilegiada!


Eu sou uma privilegiada!
Tu és um privilegiado!
Ele é um privilegiado!
Nós não somos uns privilegiados!
Vós não sois uns privilegiados!
Eles não são uns privilegiados!

O amigo Carlos, é que nos diz as verdades, tal como elas são: nuas e cruas!
E mais reais e lúcidas, não podem ser!

E não é por mim que me apoquento!
É pelas minhas sobrinhas e todos os jovens deste país. Pelo seu futuro.
É por ter lutado pelos ideais da democracia, mesmo antes do 25 de Abril.
É por solidariedade.
É porque me afrontam as demagogias e as falsidades, diárias.

E porque devemos sempre nivelar por cima, todos as metas da nossa vida.
E por aqui, me quedo!

23 comentários:

maria teresa disse...

Apoiado! Penso de um modo semelhante ao seu!
Beijo meu!

Blondewithaphd disse...

Li o post de um e de outro: naturalmente subscrevo estas preocupações e indignações. Porém, apesar de indignados e preocupados, presumo que ainda não antecipamos bem a dureza dos dias que nos aguardam.

Nina disse...

É exatamente por isso que ontem me comoveu ver tanta gente na rua (embora pela tv, porque estava na aldeia).
O mundo está em polvorosa. Alguma coisa tem que ser feita.
Bom domingo, Manuela!:)

100 Pretensões disse...

Nem mais.
bom fim-de-semana
**

Fernanda disse...

Nem mais querida Manuela! Tenho medo, medo pelo meus filho e pelos filhos dos outros! Em que mundo vão eles viver? Irão eles ser os escravos do século XXI, dominados por político corruptos, incompetentes e aleivosos? Nos comentários das Cronicasdorochedo deixei um email que recebi. Se quiser vá ler Manuela: é o mundo a indignar-se e muito bem!

Catarina disse...

Os protestos continuam a ser pacíficos aí por enquanto.. o mesmo não aconteceu noutros países.

tulipa disse...

Todos os dias precisamos de quem nos levante a moral...
eu assim funciono!
Acho que todos, precisamos.

Hoje descobri o seu espaço:
LINDO, INTENSO, VERDADEIRO.

Posso dizer-lhe que ADOREI.

O meu post de ontem,
dia do centenário de Manuel da Fonseca, fi-lo em homenagem a esse grande escritor e sabe o que descobri:
que o "amigo-poeta" Vieira Calado conheceu pessoalmente o Manuel da Fonseca, um neo-realista de mérito, quando deu aulas em Santiago do Cacém.

Vê as coisas que se descobrem, nesta partilha de afectos e informação?
Por isso, digo que a blogosfera faz-me muita falta.

Sou acérrima defensora dos meus blogues e da partilha que acontece entre nós blogueiros/bloguistas.

Beijinho.
Voltarei!!!

Marisa Ferreira disse...

Gostei da imagem, em certas ocasiões era bom que assim fosse.
beijos**

Rosa dos Ventos disse...

Creio que vem aí outra postura do povo português!

Abraço

Evanir disse...

Não se permita entristecer,
por nada nesse Domingo.
Mostre a todos o valor do seu sorriso
aproveite esse Dia para ser feliz
Faça chuva ou Sol estarei sempre aqui para dizer
que te amo.
Um lindo e feliz Domingo.
Beijos no coração.
Evanir

Marta disse...

sou nova, mas começa-me a revoltar, e muito, quando cá em casa há dificuldades financeiras, e dps começam a haver mais cortes para nós, que precisamos. E os outros no bem bom. é injusto, mt injusto.

Flor de Jasmim disse...

Manuela
Eu estive lá, pode não valer de nada, mas enterrar o pescoço na areia como a cegonha será pior.
Beijinho e uma flor

mfc disse...

Gostei da tua indignação!
Estive na manifestação se sábado no Porto e fiquei triste pela pouca participação em relação ao números da de 12 de Março.

Beijinhos

Lux disse...

É um cenário triste, mas querida, neste momento não acho que seja correcto atribuir as culpas a uma só pessoa, a um só governo.
A culpa é nossa.
Nossa no sentido de todo o País...
Nossa desde 86, quando entramos na zona euro e o Cavaco Silva era então PM.
Mas assusta-me... assusta-me esta visão tão negra, não só do País, porque isto já sucedeu quando Mário Soares foi Presidente da República e também andou por cá o FMI, mas acima de tudo da Europa, como a conhecemos um dia e talvez não tenha retrocesso.
Isso sim, é acima de tudo preocupante!

xoxo
Lux

O meu pensamento viaja disse...

Aprovadíssimo!
Faço minhas as tuas palavras.
Só não poderias indignar-te se tivesses tido um papel ativo e lucrativo no processo que nos trouxe até aqui.
Não é lá por não estarmos na pior das situações que perdemos o direito à palavra e de mostrarmos a nossa solidariedade perante as injustiças que sofrem os nossos semelhantes.
Era o que faltava!
Então, lá porque não sou a mais miserável das criaturas perco o direito a ter opinião e tomar posição?
Ontem, fiquei tão irritada com o comentário no teu blog, que preferi não intervir.
Ainda bem que reages.Tens todo o direito de o fazer e todo o meu apoio.
Beijo
Nina

MARIINHA disse...

Olá Manelinha,
Passei para te deixar um beijo, pois fazia tempo que não te visitava. Estive fora, como sabes.
Ando seriamente preocupada com tudo o que se está a passar, amiga agora é mesmo a doer, está tudo a cair como um castelo de cartas, não escapa ninguém, nem os jovens, nem menos jovens, nem os idosos. Estou de alma e coração com o movimento dos "indignados". Agora não fui mas em Novembro lá estarei.
Beijinhos para ti

carol disse...

Privilegiados - uma ova! Só se forem os fulanos do governo e os amiguinhos que estão em Cabo Verde e algures a gozarem os milhões que roubaram no BPN e não só!

Dizer que não me preocupo por mim é mentira. Preocupo-me por mim, pelos meus, pelas filhas, pelos netos, pelos vizinhos, pelos desgraçados que não têm emprego e que vão ficar sem casa e sem dinheiro para dar de comer aos filhos e levá-los condignamente à escola e sei lá o que mais!

Estou danada, furiosa, pior que um urso com estes fulanos que este povo néscio quis lá pôr!

Tenho dito!
Boa semana, Manelinha!

Marta disse...

Há que manter a esperança.
Há que manter um sorriso.
A vida é curta, muito curta.

S* disse...

Eu tenho tido muita sorte, trabalho no que gosto e quero... mas parte-me o coração ver gente que quer trabalhar e não consegue.

Ana disse...

concordo plenamente:)
beijinhos

portugalnocoração disse...

tempos dificeis sao de certeza. apesar de nao estar em portugal sinto aqui a indignacao generalizada. gosto do seu estilo simples e frontal. virei visita-la mais vezes. boa semana

Green disse...

Tens toda a razão.

irene alves disse...

Totalmente de acordo. Vamos reagir... mesmo através dos blogues, é preciso não ficar calado/a.
Beijinho
Irene