sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

O melhor museu português de 2011 dedica-se ao papel!


"O Museu do Papel, no concelho de Santa Maria da Feira, foi eleito o Melhor Museu Português de 2011 pela Associação Portuguesa de Museologia (APOM). Entre os distinguidos com os prémios museológicos contam-se ainda exposições da Gulbenkian ou Museu de Arte Antiga e a informação turística do Castelo S. Jorge, do Funchal ou Vila Velha do Ródão.
Entre as 20 categorias que a APOM criou para destacar museus, projectos profissionais e actividades desenvolvidas no sector, destacam-se os prémios para melhor museu, melhor exposição e a personalidade do ano.
No caso de melhor museu, a distinção foi para o Museu do Papel, em Paços de Brandão (Santa Maria da Feira), inaugurado há 10 anos e dedicado a mostrar a produção manual e industrial do papel desde 1708 no concelho e noutras fábricas do país. O museu integra duas antigas fábricas de papel, do início do séc. XIX: antiga Fábrica de Papel de Custódio Pais e antiga Fábrica de Papel dos Azevedos. Possui uma exposição permanente, que inclui peças e maquinaria ou uma roda hidráulica, realiza mostras temporárias temáticas e eventos, tem um serviço educativo (com visitas escolares, actividades e oficinas) e uma loja com produtos artesanais criados e produzidos no museu. 

Além do prémio para o museu, foram atribuídas menções honrosas ao Aquário Vasco da Gama, ao Museu da Santa Casa da Misericórdia de Viseu e ao Mimo - Museu da Imagem em Movimento, em Leiria.
Na categoria da Melhor Exposição do ano, foi distinguida Invenção da Glória. D. Afonso V e as Tapeçarias de Pastrana, no Museu Nacional de Arte Antiga, em Lisboa.
Uma menção honrosa coube à exposição sobre o Tarrafal patente no Museu do Neo-Realismo, em Vila Franca de Xira.
O Museu de São Roque, pela integração do Cofre Relicário de São Francisco Xavier, e o Museu Nacional de Arte Antiga, pela doação do acervo de Castro Pina, foram distinguidos com o Prémio Incorporação. "

...

5 comentários:

Bella disse...

É muita cultura, logo pela fresquinha:)
Viste o email que te enviei? Aguardo resposta.
Bjokas

A Produtora de Paparoca disse...

Olá Turista! Desconhecia, obrigada pela partilha. Eu quero ver se vou ao "Museu do Oriente" a uma exposição sobre a tinta da China. Está no museu até 31 de Dezembro. Bom fim-de-semana. :)***

Palco do tempo disse...

Nunca fui a esse museu :) Tenho de lá ir :)

Rosa dos Ventos disse...

Também tenho que lá ir!

Abraço

carol disse...

E eu não conheço! Mas quero ver se lá vou. Também já tinha lido esta informação em que Leiria também é referida.

Beijinhos culturais...